15.2.08

Rua de SOBREIRAS



Bronze da Escultora Irene Vilar


O topónimo Sobreiras, em Lordelo do Ouro, é muito antigo. É provavelmente anterior ao séc. XII, porque uma doação de D. Afonso Henriques feita ao abade João e ao Mosteiro de Tarouca apontando os limites do lugar doado, esclarece que eles iam «usque ad fenale Sovereiris» até ao facho de Sobreiras. Mantém-se pois, o velho topónimo de Sobreiras há mais de oitocentos anos...("Toponímia Portuense" de Andrea da Cunha e Freitas)


1 comentário:

Teodósio disse...

Acabo de saber que Irene Vilar faleceu no dia 12 de Maio de 2008.
Ver mais aqui:
http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?article=345520&visual=26&tema=5

E aqui:
http://www.porto.taf.net/dp/node/3954